Reciclagem: como separar o lixo adequadamente?

   Segundo o Ministério do Meio Ambiente (MMA), o Brasil produz cerca de 240 mil toneladas de resíduo por dia, no qual a maioria é descartada de forma irregular.  Porém, ao destinar o lixo adequadamente um grande passo estará sendo dado para sua destinação correta. A principal delas, reciclagem.

O que é Reciclagem?

   A reciclagem é um processo de transformação de materiais usados em novos produtos, devolvendo-os ao seu ciclo produtivo. Esse processo reduz a extração de recursos naturais e poluição do ar e água; aumenta o tempo de vida dos aterros sanitários e gera menor impacto ambiental em relação à disposição final dos rejeitos.

 

O que pode ser reciclado?

Papéis: cadernos, livros, jornais, revistas, cartolinas, papel cartão, agendas, listas telefônicas, papelão, embalagens de papel.   Não se recicla papel com material orgânico, pontas de cigarro, fitas adesivas, fotografias, papéis sanitários e papel-carbono.

Plásticos: garrafas PET, embalagens de produtos de limpeza, canos, tubos, sacolas, potes e plásticos em geral.

Vidros: garrafas, copos, frascos em geral.   Cristais, espelhos, vidros de automóveis ou temperados, cerâmica e porcelana não são recicláveis.

Metais: latas de alumínio, tampas de alumínio, papel alumínio limpo, embalagem de enlatados, embalagem de marmitex, chapas e canos, panelas sem cabos, pregos e parafusos.   Clipes, grampos, esponjas de aço, latas de inseticidas, de solvente químicos e de tinta e embalagem de aerosol devem ficar de fora.

Isopor: Apesar do isopor ser reciclável, esse processo não é economicamente viável. Por isso, use-o de diversas formas e evite ao máximo o seu desperdício.  Ao jogar fora, coloque na lata de plásticos, pois algumas empresas transformam em matéria-prima para blocos de construção civil.

 

Lembre-se:

  • Não misture recicláveis com orgânicos (sobras de alimentos, cascas de frutas e legumes). Coloque plásticos, vidros, metais e papéis em sacos separados.
  • Lave (se necessário) as embalagens  do tipo longa vida, latas, garrafas e frascos de vidro e plástico. Seque-os antes de depositar no lixo.
  • Proteja em papel firme ou em caixas os vidros quebrados e outros materiais cortantes para evitar acidentes.

 

Curiosidades:

  • A reciclagem de uma única lata de alumínio economiza energia suficiente para manter uma TV ligada durante três horas.
  • Uma tonelada de papel reciclado economiza 10 mil litros de água e evita o corte de 17 árvores adultas.
  • Cada 100 toneladas de plástico reciclado economizam 1 tonelada de petróleo.
  • Para produzir 1 tonelada de papel é preciso 100 mil litros de água e 5 mil KW de energia. Para produzir a mesma quantidade de papel reciclado, são usados apenas 2 mil litros de água e 50% da energia.
  • Cada 100 toneladas de plástico economizam uma tonelada de petróleo.
  • O vidro pode ser infinitamente reciclado.